sábado, 21 de julho de 2012

Querido amigo

Há sete anos trocava cartas com uma amiga, era legal demais. Ela não morava muito longe, mas não nos víamos com tanta frequência, as correspondências ajudava a nos manter por perto. Eram cerca de três cartas por mês, contávamos os fatos mais marcantes da nossa rotina de adolescente "rebelde", e jurávamos amizade eterna.  Pois bem, por razões da circunstância fomos perdendo o contado e faz pelo menos, um ano que não nos falamos. Às vezes pego as cartas para ler e sinto muita falta daquele tempo.
Semana passada, um amigo me propôs que nos comunicássemos -também- por carta. Achei a ideia de retomar essa experiência ótima. Afinal, é sempre válido deixar registrado fatos que podemos resgatar tempos depois. Assim como a outra amiga, este também não mora longe. Foi então que, no começo dessa semana, recebi a primeira correspondência e que aliás, já respondi. Estou ansiosa para ver como será o  andamento dessa história...

Continua...

Nenhum comentário:

Postar um comentário