sexta-feira, 12 de outubro de 2012

Sem (des)esperar

Qualquer encanto que restava, foi embora junto com a chuva que caiu ontem em São Paulo, e com o meu brinde duplo ao desapego. Muah.



Separo os seus anseios dos meus
Comparo com olhos de quem está além
Preparo um jeito de te esquecer
Disparo minhas forças para renascer
Separo, paro, comparo, paro, preparo, paro, disparo

Nenhum comentário:

Postar um comentário